Buscar Produtos

Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter
e fique por dentro das novidades.


Acontece

Como encontrar o equilíbrio entre economia e sustentabilidade na sua obra

equilibrio-entre-economia-e-sustentabilidade-na-sua-obra

Um dos desafios da construção civil vai além de garantir obras com bom resultado, acabamento e segurança. Também é cada vez mais necessário que a construções sejam econômicas, rentáveis e sustentáveis.

Ao equilibrar economia e sustentabilidade na sua construção, há uma proteção dos recursos naturais, ao mesmo tempo em que se evitam os excessos financeiros. Como resultado, a obra finalizada tende a estar alinhada com a visão e com os objetivos.

Como é de se esperar, esse é um equilíbrio muito fino é que exige as escolhas certas. Por isso, separamos dicas para te ajudar a economizar na construção com sustentabilidade e qualidade.

Comece uma construção com um excelente planejamento

Quando o objetivo é conseguir uma obra que seja econômica, sustentável e de qualidade, não há espaço para improvisos e definições pouco informadas. Por isso, tudo deve começar com a elaboração de um projeto muito completo, funcional e que contenha um planejamento robusto.

Estabeleça parâmetros que gerem esse equilíbrio desejado, como a definição de um orçamento e os parâmetros de qualidade, assim como de economia de recursos para obter a sustentabilidade.

Essa etapa oferece sustentação para todas as tomadas de decisão e garante que tudo seja feito de modo a atingir o objetivo principal.

Foque em parâmetros que afetam a sustentabilidade da construção

Os fatores ligados à economia são simples. Eles dizem respeito à diminuição dos gastos de recursos — como tempo, dinheiro e mão de obra — para finalizar a construção.

Porém, é preciso também pensar em ser sustentável, reconhecendo os principais parâmetros. É viável, por exemplo, definir a diminuição dos resíduos sólidos, já que essa é uma prática adequada.

Igualmente, faz sentido objetivar a redução do consumo de recursos, como materiais construtivos, água e energia elétrica.

Além disso, diminuir o tempo de construção garante melhor eficiência do uso desses elementos.

Escolha soluções alternativas de materiais e estruturas

Para obter tudo isso, o mais recomendado é usar opções econômicas e que tenham uma preocupação com a natureza. Módulos habitacionais são bons exemplos de reutilização de produtos e de emprego de um processo menos complexo e menos consumidor.

Indo além, há o Light Steel Frame. Com o uso dessas estruturas móveis de aço, é possível ter uma construção a seco, gerando menos resíduos e com maior velocidade.

Além disso, o steel frame é um material econômico, especialmente em relação à alvenaria comum, ao mesmo tempo em que garante segurança e boa usabilidade. Portanto, é uma excelente opção para unir economia e sustentabilidade, trazendo ótimos resultados para a construção.

Pense nos benefícios indiretos com o uso da construção

Além de tudo, vale a pena considerar quais são as vantagens que existem quando se fala no uso da construção já pronta. Uma boa seleção de materiais e um projeto adequado permitirá, por exemplo, maior eficiência energética.

É o que acontece como o Light Steel Frame. Empregado corretamente e com os outros elementos que completam a construção, ele ajuda a aumentar o conforto térmico e garante um uso adequado de outros recursos.

Além de tudo, a maior velocidade de finalização favorece e adianta o retorno do investimento, agindo para tornar tudo econômico. Portanto, considerar os resultados é fundamental para fazer uma seleção adequada.

O equilíbrio entre economia e sustentabilidade na sua obra é viável desde que haja um bom planejamento e a seleção dos itens corretos, como materiais econômicos. Com o Light Steel Frame, por exemplo, é possível ter uma construção rápida, com menos resíduos e mais barata, atendendo a todos os quesitos.

Agora que você já sabe como fazer essa seleção, curta a nossa página no Facebook e se mantenha atualizado com as outras novidades e tendências.